• andreabonotto1

Reforna interna

Imagina uma reforma. Caliça para todo lado, remoção de paredes, pó de obra, barulho e agora imagina essa obra dentro de você. Estive em obras, ou melhor estou em reforma íntima. Projeto: Remoção de uma casa para um novo terreno/país.


Essa reforma iniciou a um tempo atrás, a preparação para a remoção a casa levou alguns anos, e ela chegou no novo terreno no ano passado. Essa reforma continua, está sendo D.I.Y. Minha casa foi trazida para um novo endereço, numa rua nova e recebeu um Postal Code. Ela teve ser resistente e resiliente. Ela se deparou com um novo clima, um novo solo. Seus vizinhos já não falam mais a mesma língua.


Foi preciso uma reforma para se ambientar. Talvez eu tenha ficado muito tempo dentro da casa reformando, foi tempo de rever as estruturas, remover paredes e reencontrar novos ambientes. Demandou muita energia, lágrimas, tempo e coragem. Estar em obra é desafiador. Eu estava distante de mim e do que havia ficado para traz. Entre as estruturas que permaneceram, novos revestimentos vieram, reutilizei o que permaneceu, readaptei uma nova planta para estar em harmonia com a minha alma.


Hoje abro as janelas da casa, e sinto a brisa. Olho o caminho que foi feito, me reencontro com a coragem do desapego e com as oportunidades que cada novo dia me traz. Claro, que ainda me deparo com caliças e pó de obra pelos cantos. Em fortes ventanias a estrutura balança. As fundações foram cavadas com trabalho duro, minha família já tinha iniciado essa escavação há anos. Estou ainda redecorando meu pátio interno, ajustando móveis, plantando flores, deixando o sol entrar. Estou deixando meu coração conduzir a reforma, sem projeto executivo. Assim está sendo o reencontro com minha essência.


A magia da vida é esse grande projeto, em permanente construção!



1 visualização
CONTATO

Copyright© 2020 | Andrea Bonotto |  Conteúdo autoral e baseado em experiências pessoais. A copia ilegal viola o direito autoral.